Autor: John Green
Páginas: 288
Editora: Intrínseca

Sinopse: Hazel é uma paciente terminal. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante — o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos —, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas.




  Depois de semanas lendo comentários e trechos de A culpa é das estrelas por todo o canto, eu, finalmente, li o livro. Não é atoa que está fazendo todo esse sucesso. O livro é incrível. Do começo ao fim. Eu li ele em dois dias, e no primeiro dia em que peguei para ler, meio que não conseguia parar. Li tanto em um só dia que - acreditem se quiser - eu sonhei com os personagens!

"Meus pensamentos são estrelas que eu não consigo arrumar em constelações."

  A história é narrada por uma paciente com câncer de 16 anos de idade, chamada Hazel, que é forçada por seus pais a participar de um grupo de apoio, onde posteriormente se encontra e se apaixona com Augusto Waters, de 17 anos, ex-jogador de basquete e amputado.
  A história contada é expressada de tal forma que você consegue se envolver com os personagens. O livro é divertido, pode te fazer rir, mas também pode ter fazer chorar. E com toda a certeza vai te deixar querendo mais. E por um minuto, por pelo menos um minuto, você vai se colocar no lugar da Hazel e sentir as dores, as alegrias, as tristezas e também vai te fazer querer viver.

"Me ocorreu que a ambição voraz dos seres humanos nunca é saciada quando os sonhos são realizados, porque há sempre a sensação de que tudo poderia ter sido feito melhor e ser feito outra vez. "

Se você procura um livro que te deixe com as emoções a flor da pele, que te faça parar para pensar, assim que terminar de ler a última página. Que te faz rir e/ou chorar. Que prenda sua atenção. E que faça você querer ler todo o livro em um só dia. A culpa é das estrelas vai fazer isso! 


Deixe um comentário